11.8.16

SUSANA VIEIRA DEVERIA PROPOR UMA OPERAÇÃO DA POLÍCIA FEDERAL NA GLOBO

EMANUEL CANCELLA -

Susana Vieira foi visitar a PF em Curitiba e saiu dizendo: “As pessoas do Norte e Nordeste não sabem do que está sendo feito na Lava Jato. Tem que espalhar isso para o Brasil”.

Imagine se eles sabem que a Lava Jato diz que combate à corrupção, quando na verdade seu grande sonho, em conluio com a Globo e o PSDB, é prender Lula ou torná-lo inelegível nas eleições de 2018. As pessoas do Norte e Nordeste sabem o que o governo Lula fez pela região e por isso querem ele de volta ao governo!

Aliás, não conheço ninguém que seja a favor da corrupção! Até os corruptos como Eduardo Cunha dizem que são a favor do combate à corrupção. Aliás, a Lava Jato, que não prende o Cunha nem a família, quer prender o Lula mesmo sem crime!

Agora o pessoal de lá, se soubesse o que acontece na PF de Curitiba, iriam repudiá-la. O que sabem, assim como a maioria dos brasileiros, é totalmente deturpado, pois as informações são passadas pela Globo que deu prêmio ao Juiz Moro, que chefia a Lava Jato, como homem que faz a diferença.

A Susana deve ter problemas de percepção, pois trabalha na Globo há décadas e não sabe que a emissora é sonegadora do Imposto de Renda e pratica lavagem de dinheiro (Swssleaks e Panamá Papers). E ainda é a principal suspeita na corrupção da Fifa, já que monopolizou o tempo todo as transmissões esportivas. Inclusive seu principal sócio, a TV TEM de São Paulo, é réu confesso no processo e a Globo nem sequer é chamada a depor na CPI que investiga o escândalo. Susana Vieira você deveria propor uma operação da Polícia Federal na Globo.

que a Globo nunca vai dizer é que na República de Curitiba está montado um tribunal de exceção, proibido pela Constituição Federal, onde as pessoas são mantidas presas até colaborar com a justiça, ou seja, delatar o governo ou parlamentares do PT. Se a denúncia for como a da Odebrechet, que envolve outros partidos e parlamentares, com a ampla maioria de partidos da base do governo golpista,  não vale!

Lá, na República de Curitiba, foi criada também uma indústria de vazamentos. E os vazamentos de delação premiadas são diários ou semanais, quase sempre para a Globo, que ainda passa os para a sociedade já deturpados, sempre destruindo a Petrobrás ou membros do governo Dilma.

Vazamento de delação é crime! Tanto que o delegado da PF, Protogenes de Queiroz, foi condenado, segundo a justiça, por vazar detalhes do processo do banqueiro Daniel Dantas, este, aliás, foi solto em 24 horas por Gilmar Mendes. Outro caso de vazamento foi com o deputado do PTB Fabio de Souza Camargo que foi processado pelo MP  do Paraná por vazar informação do processo da mulher de Sergio Moro, a advogada Rosângela Moro.

Rosângela Moro faz parte de um grupo de advogados que, no Paraná, deu um rombo de bilhões de reais no escândalo conhecido como a ‘Indústria das Falências’. Isso a Globo também não diz!

Susana, n em o Norte e Nordeste, não devem sabem que a mulher de Moro trabalha para o PSDB e para empresa de petróleo, justamente os altamente beneficiados pelos julgados do juiz. Só o contrato da esposa com o PSDB poderia explicar a blindagem de Moro aos tucanos! Como se permite que a mulher de Moro trabalhe para multis de petróleo e seu marido investigue a Petrobrás, vazando a toda hora informações que denigrem a empresa favorecendo assim as multis da esposa, concorrentes da Petrobrás? Isso os brasileiros do Norte e Nordeste não sabem porque a Globo, em seu noticiário, não diz.

Susana, a Lava Jato manda os corruptos pagar as penas em suas mansões, verdadeiros clubes de lazer, montados com dinheiro da corrupção. Dizem que tem preso na Lava Jato pedindo transferência de Angra dos Reis para Ipanema!

Susana, e o pior, contrariando o STF, a Lava Jato está ficando com 10% por cento dos acordos de leniências, dinheiro de corrupção. É muito ousadia para um juiz de primeira instância!  Daqui a pouco todos os policiais vão querer ficar com 10% do dinheiro que resgatarem, produtos de roubo.

Fique tranquila, Susana Vieira, não só os brasileiros do Norte Nordeste estão descobrindo o que acontece em Curitiba, mas com certeza não é através da Globo!

Fonte:

*Emanuel Cancella é petroleiro, coordenador-geral da Federação Nacional dos Petroleiros (FNP) e do Sindipetro-RJ.