19.1.17

FERIADO NA CIDADE DO RIO DE JANEIRO FECHA SEDE DO SINPOSPETRO-RJ NESTA SEXTA

Via SINPOSPETRO-RJ -

Sede do sindicato não abre amanhã, feriado de São Sebastião, padroeiro da cidade. Frentistas do Município do RJ vão receber o dia dobrado.


A sede do SINPOSPETRO-RJ, que fica no Grajaú, Zona Norte do Rio, fecha hoje às 18h e só reabre na segunda-feira(23), às 8h. O serviço de atendimento ao trabalhador será interrompido nesta sexta-feira(20) por causa do feriado de São Sebastião, padroeiro da cidade do Rio de Janeiro. As subsedes de Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense e de Volta Redonda, no Sul do Estado vão funcionar normalmente.

Por causa do feriado, a visita aos postos no Município do Rio também será suspensa. Na segunda-feira, os diretores que realizam trabalho de base nas Zonas Sul, Norte e Oeste da cidade retomam as atividades. Já na Baixada Fluminense e no Sul do Estado o trabalho de base será realizado normalmente.

As consultas no departamento jurídico podem ser agendadas até às 17h de hoje. No consultório odontológico, os trabalhadores associados ao sindicato só conseguem agendar consultas para março, depois do Carnaval, devido ao grande movimento. Os currículos para o banco de empregos da entidade podem ser enviados para o setor de homologação no e-mail: homologacao@sinpospetro-rj.org.br 

FERIADO DOBRADO - Os empregados dos postos de combustíveis no Município do Rio que estiverem escalados para trabalhar amanhã, feriado de São Sebastião, terão que receber o dia dobrado com acréscimo de 100% sobre a hora normal, como determina a Convenção Coletiva da categoria.

Os frentistas, lavadores de carro, trocadores de óleo, subgerente, gerente e funcionários de lojas de conveniência que quiserem tirar dúvidas sobre informações contidas no contracheque podem entrar em contato com a sede do sindicato pelo telefone (21) 2233-9926.

SUBSEDES - Em caso de urgência, o trabalhador pode entrar em contato amanhã com as subsedes de Volta Redonda pelo telefone (24) 3348-4955 e em Nova Iguaçu pelo número 2667-5126.

*Estefania de Castro, assessoria de imprensa Sinpospetro-RJ