16.5.17

FRENTISTAS DO RJ VÃO ENGROSSAR O CORO DO MOVIMENTO SINDICAL EM BRASÍLIA

Via SINPOSPETRO-RJ -

A Força Sindical do Rio de janeiro realiza hoje (16), plenária com os sindicatos filiados para discutir o momento político e econômico do país e as ações do movimento sindical. Nesta segunda-feira (15), a vice-presidente do SINPOSPETRO-RJ e secretária da mulher da Força, Aparecida Evaristo, participou da reunião da diretoria que definiu as estratégias da central contra as reformas.


Cerca de 700 dirigentes de sindicatos filiados à Força Sindical do estado do RJ vão participar da marcha “Ocupa Brasília”, no próximo dia 24 de maio. Quinze ônibus sairão do Rio de Janeiro na próxima terça-feira (23), com destino a Brasília. Os dirigentes só vão deixar a capital Federal depois da votação da reforma trabalhista. A vice-presidente do SINPOSPETRO-RJ e secretária da mulher da Força Sindical do RJ, Aparecida Evaristo, participou ontem, da reunião da diretoria da Força RJ, que definiu as ações da central contra o governo Temer.

No encontro, o presidente da Força RJ, reeleito na semana passada, Carlos Fidalgo, pediu ajuda da diretoria para tornar a central ativa e atuante. Nesta terça-feira (16), a central realiza um novo encontro na sua sede, na Gamboa, Zona Portuária do RJ. Desta vez estarão presentes todos os sindicatos filiados à central. A ideia é mobilizar o maior número possível de sindicalistas para ocupar Brasília na próxima semana.

Na plenária desta terça-feira serão escolhidos também os diretores que terão direito a voto no 8º Congresso da Força Sindical Nacional, que acontece em junho, em Praia Grande, litoral de São Paulo. O presidente do SINPOSPETRO-RJ e também 1º vice-presidente da Força RJ, Eusébio Pinto Neto, vai participar da reunião.

MARCHA

Na semana passada, Eusébio Neto abriu mão de concorrer às eleições na Força RJ para evitar um esvaziamento e uma divisão na central. Ele diz que a união dos sindicalistas neste momento de ataques e retrocesso é de extrema importância para derrubar as propostas nefastas do governo Temer. O presidente do SINPOSPETRO-RJ afirma que o sindicato vai seguir a determinação da central e também enviará dirigentes para marcha “Ocupa Brasília”.

Para realizar protestos e tentar reverter a votação das reformas trabalhista e da Previdência, no Congresso, as nove centrais sindicais que organizaram a greve geral do dia 28 de abril se uniram para marchar até Brasília. Desde ontem (15), representantes do movimento sindical estão em Brasília, onde tentam convencer deputados e senadores a votar contra as duas propostas de reforma.

SINPOSPETRO-RJ

O Sindicato dos Frentistas do RJ também desenvolve um projeto de conscientização com os empregados de postos de combustíveis e lojas de conveniência. Desde março, quando foi sancionada a Lei da Terceirização, o sindicato distribui nos postos de combustíveis, folder com os nomes e partidos dos parlamentares que votaram contra os trabalhadores. A medida tem por objetivo fazer com que o trabalhador desperte para a dura realidade e repense com cuidado, o seu voto em 2018, para que parlamentares contrários aos interesses da classe trabalhadora não sejam reeleitos.

Estefania de Castro, assessoria de imprensa SINPOSPETRO-RJ