3.6.17

SERÁ QUE ESSES PICARETAS, MORO E DALLAGNOL, COM APOIO DA GLOBO, VÃO CONSEGUIR PRENDER LULA?

EMANUEL CANCELLA -

E quem quer prender Lula? Juiz Sergio Moro, um juiz de 1ª instancia suspeito e corrupto...


Lula foi o homem que tirou o Brasil do mapa da fome e 40 milhões de brasileiros da zona da pobreza. E foi nos governos do PT, Lula e Dilma, que foram construídas mais de 3 milhões de unidades de moradias, no programa Minha Casa Minha Vida.

E fizeram mais, já que milhões de jovens pobres entraram na faculdade, através do Fies, do Prouni e do Sistema de Cotas. Muitos foram estudar no exterior, através do programa Ciência Sem Fronteira. Lula levou o Brasil ao pleno emprego!

Além desses programas, Lula também criou o Programa Mais Médicos, Luz no Campo e realizou a transposição do Rio São Francisco, essa obra estava há mais de cem anos no papel.

Na Petrobrás, o governo de Lula afastou a ameaça de privatização, recomprou os 30% da refinaria do sul, Refap, vendido por FHC; reestruturou a Petrobrás elevando o efetivo da companhia de 33 mil para 85 mil. Criou a diretoria de biocombustível, construindo várias usinas;  entrou pesado na área de fertilizantes, criando as Fafen’s, e retomou com o Comperj, o braço mais lucrativo da indústria do petróleo.

Em seu governo, a Petrobrás desenvolveu tecnologia inédita no mundo que permitiu a descoberta do pré-sal. O pré sal garante o abastecimento do pais nos próximos 50 anos. A Petrobrás, na gestão do PT, ganhou pela terceira vez o premio0 (OCT) o “Oscar” da indústria do petróleo; e em 2010 realizou a maior capitalização do planeta (4). Nos governos de Lula retomamos a indústria naval outrora destruída por FHC.

Querem prender Lula e estão destruindo a Petrobrás. Pedro Parente, com a conivência da Lava Jato, está destruindo a companhia.

E o pior, a Lava Jato está mancomunada com o MPF. Ao invés de o MPF investigar a gestão do presidente da Petrobrás, Pedro Parente, como pediu minha denúncia, formalizada em novembro de 2016, o MPF preferiu me acusar, em dezembro do mesmo ano, intimando-me sob a acusação de atentar contra honra do juiz Sergio Moro (2,3).

Formalizei a denúncia, como coordenador do Sindipetro-RJ e da Federação Nacional dos Petroleiros – FNP. Como funcionário da Petrobrás, há 42 anos, e representante sindical não poderia ficar acovardado diante dos crimes perpetrados por Parente, que vende ativos valiosos da Petrobras e sem licitação, como manda a lei!

Parente que é réu, em ação movida por petroleiro, ou seja, ele é suspeitíssimo pelo mesmo crime de venda de ativos, só a Lava Jato e o MPF não veem (3)!

Querem prender Lula, como mesmo disse o procurador Dallagnol: “Sem provas mas como convicção de que Lula é o comandante máximo da corrupção na Petrobrás “(5). Eu não tenho dúvidas diante dos fatos que FHC e Pedro Parente são os maiores corruptos da Petrobrás. Por que não investigam?

E a Lava Jato nem sequer investiga o governo tucano de FHC, na Petrobrás, várias vezes delatado na operação e muitas delas até citando o filho de FHC (6,7).

E os mesmos MPF e Lava Jato sentam em cima da denúncia contra Pedro Parente. Fazem mais, ameaçam quem os denuncia. Aí o MPF deixa de ser público e passa a ser propriedade do juiz Moro.

E quem quer prender Lula? O juiz Sergio Moro, premiado da Globo, um juiz de 1ª instância, suspeito e corrupto: suspeito porque sua mulher trabalha para o PSDB, partido de FHC e de Pedro Parente. E mais, a esposa de Moro trabalha para multinacionais de petróleo, concorrentes diretas da Petrobrás, e a Lava Jato, que é chefiada por Moro, tem a principal função que é investigar a Petrobrás (8,9).

Moro é corrupto porque absolveu a mulher de Eduardo Cunha, Claudia Cruz,  para salvar a livrar sua mulher, Rosangela Moro, de mais um escândalo, a da roubalheira na APAE (10,11).

E o Procurador Deltan Dallagnol comprou duas unidades do Minha Casa Minha Vida, para especular.

Para fazer a construção, a FMM recorreu a financiamento da Caixa Econômica Federal destinado ao Programa Minha Casa Minha Vida. Mas os compradores não precisavam ser, necessariamente, pessoas de baixa renda. (...)  Dallagnol comprou duas unidades no condomínio Le Village Pitangui, construído pela construtora FMM (1).

Não é ilegal a compra do imóvel, mas não é ético nem moral para um procurador que recebe supersalários, inclusive acima do teto  que estabelece a Constituição Federal. Sem contar que Dallagnoll recebe ainda auxílio moradia e educação. Dallagnol é da igreja Batista Atitude Central da Barra no RJ, será que não existem outros membros na igreja do procurador que realmente precisem de moradia?

Nelson Mandela, o homem que acabou com o Apartheid na África do Sul, ficou preso por 27 anos. Lula governou o país por dois mandatos e saiu do segundo mandato com mais de 80% de aprovação. Hoje lidera todas as pesquisas de intenção de votos, inclusive ganhando em primeiro turno.

Será que esses picaretas vão conseguir prender Lula?

Fonte:

*Emanuel Cancella, OAB/RJ 75.300, ex-presidente do Sindipetro-RJ, fundador e diretor do Comando Nacional dos Petroleiros, da FUP e fundador e coordenador da FNP , ex-diretor Sindical e Nacional do Dieese,  sendo também autor do livro “A Outra Face de Sérgio Moro”