20.9.17

1- GREVE PARALISA OS CORREIOS EM 20 ESTADOS E NO DISTRITO FEDERAL; 2- ALEXANDRE GARCIA CONTA LOROTA DE QUE FOI VÍTIMA DE ASSALTO A BANCO EM 1970 ORGANIZADO POR GRUPO DE DILMA

REDAÇÃO -


Os funcionários dos Correios entraram em greve nesta quarta-feira (20) por tempo indeterminado em todo o país. A paralisação já atinge 20 estados e o Distrito Federal, segundo a Federação Nacional dos Trabalhadores.

De acordo com o sindicato, a paralisação será por tempo indeterminado e deve atingir os funcionários das agências e também carteiros. Atualmente, a empresa tem mais de 6,5 mil unidades próprias no país, além de 1 mil franqueadas.

Entre os principais motivos para a paralisação, segundo a Federação, estão: fechamento de agências, suposta pressão para adesão ao plano de demissão voluntária, a proposta de privatização, corte de investimentos, falta de concurso público, mudanças no plano de saúde e a suspensão das férias para todos os trabalhadores.

Procurado, os Correios ainda não se pronunciaram sobre a greve. A estatal continua enfrentando uma grave crise econômica e tem implementado medidas para tentar reduzir gastos e melhorar a lucratividade da estatal.

Dados obtidos através dos portais de informação pública mostram que, nos últimos dois anos, os Correios apresentaram prejuízo de R$ 4 bilhões. (com informações do Metro e Abr)

***
Alexandre Garcia conta lorota de que foi vítima de assalto a banco em 1970 organizado por grupo de Dilma

Poder-se-ia atribuir à idade, mas tratando-se de Alexandre Garcia o buraco é mais embaixo. Nesta terça, dia 19, ele alegou no Twitter ter sido vítima de um assalto à mão armada do grupo guerrilheiro de Dilma Rousseff. Publicou a data precisa: 18 de março de 1970.

Numa coluna de 2015, ele forneceu outro ano: “Dilma tirou aquela foto no tempo em que era da VAR-Palmares, a mesma organização que me assaltou quando eu trabalhava no Banco do Brasil em Viamão, no Rio Grande do Sul, em 1969″.
Ainda numa outra entrevista, ele conta que Dilma não estava presente. 
Falta apenas Alexandre Garcia admitir que não estava em assalto algum. Mas aí já é pedir demais ao veterano comentarista. (via DCM)