1.9.17

GOVERNO ILEGÍTIMO DE TEMER SERVE AO CAPITAL E RETIRA DIREITOS CONSAGRADOS DO POVO, DENUNCIA PRESIDENTE DA CTB

Via FENEPOSPETRO -

Para o presidente da CTB, Adilson Araújo, o governo ilegítimo de Michel Temer jogou uma pá de cal sobre os direitos consagrados pela Consolidação das Leis do Trabalho (CLT) e pela Constituição Federal, e congelou os investimentos públicos em projetos assistenciais com o propósito de dificultar a vida dos que mais necessitam, os mais pobres.


Com as novas regras para o mercado de trabalho, impostas pela Lei da Reforma Trabalhista, os sindicatos terão que se reestruturar. Para o presidente da Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB), Adilson Araújo, a resistência dos trabalhadores no embate da luta de classes depende da unidade, do fortalecimento dos sindicatos e da contribuição sindical. Em entrevista ao site da FENEPOSPETRO, o presidente da CTB afirmou que a luta das centrais, hoje, é pela defesa da democracia, da soberania nacional e da valorização do trabalho.

Leia mais na TRIBUNA SINDICAL

* Estefania de Castro, assessoria de imprensa Fenepospetro