25.9.17

PROGRAMA DE TEVÊ ESCLARECE FRENTISTAS SOBRE OS SEUS DIREITOS

Via FENEPOSPETRO -

O investimento em comunicação no movimento sindical é vital para combater a exploração da mão de obra, o abuso dos patrões e despertar a conscientização do trabalhador. Como debatedor do programa Fórum do Trabalhador, o diretor do Sindicato dos Frentistas de Ribeirão Preto (SP), Vanildo Custódio, esclarece e tira dúvidas da categoria.


Quem não gosta de assistir a um bom programa de televisão? E se a programação é interessante vale a pena abandonar os folhetins das telenovelas para acompanhar o programa. Em Ribeirão Preto (SP), o programa Fórum do Trabalhador, que vai ao ar todas as quartas-feiras, às 20h30, tem há cinco anos como debatedor o diretor do Sindicato dos Frentistas na cidade, Vanildo Custódio. O programa debate não só as questões trabalhistas, mas também sociais.

Segundo Vanildo Custódio, o sindicato é um parceiro do Fórum do Trabalhador que desenvolve um papel importante como agente social. Ele explica que além de participar dos debates do programa, o sindicato também apoia as companhas de mobilização como: doação de sangue, inclusão social; setembro amarelo (prevenção de suicídio); outubro rosa (prevenção do câncer de mama) e novembro azul (combate ao câncer de próstata).

O sindicalista diz que esse tipo de programa é uma ferramenta importante para o movimento sindical, já que a grande mídia não vai divulgar o trabalho realizado pelas entidades de classe. Ele informa que por ser didático o projeto deveria ser desenvolvido em outras cidades. “O programa abre espaço para os sindicatos apresentarem os seus projetos e explicarem aos trabalhadores os conflitos do mundo do trabalho. Os canais abertos não divulgam as ações dos sindicatos e muito menos abrem espaço para o operário. Para a grande mídia trabalhador só serve para ser manchete de polícia”, afirma.

Vanildo Custódio acrescenta que o Sindicato dos Frentistas de Ribeirão Preto e outras entidades de classe contribuem para manter o programa no ar. Ele destaca que na bancada do Fórum do Trabalhador o sindicato tem em média 20 minutos para expor o seu trabalho e esclarecer os direitos dos empregados.

O programa aproxima o trabalhador do sindicato. Eu aproveito o programa para falar também das ações desenvolvidas pelas Federações Nacional dos Frentistas (FENEPOSPETRO) e do estado de São Paulo (FEPOSPETRO). Dessa forma a gente transmite o recado e a representação da categoria nos municípios, estados e nacional. Os trabalhadores participam diretamente enviando perguntas e sugerindo temas de debates.

PROGRAMAÇÃO - O programa é transmitido para todo o estado de São Paulo pelos canais 33 da tevê aberta e 20 da NET. O trabalhador também pode acompanhar o programa pelo site: http://www.thathi.com.br ou assistir os vídeos no YouTube. Para quem acompanha pela tevê, o programa é reprisado todos os sábados às 14h.

SINDICALISTA - Vanildo Custódio, diretor do Sindicato dos Frentistas de Ribeirão Preto (SP), é militante atuante do movimento sindical desde 1985, quando começou a trabalhar em postos de combustíveis. Antes mesmo de se tornar dirigente, como associado do sindicato da categoria, Vanildo participava das assembleias e exigia do patrão o cumprimento das leis.

* Estefania de Castro, assessoria de imprensa Fenepospetro