14.2.18

MORO, BRETAS E DALLAGNOL TINHAM QUE TOMAR VERGONHA NA CARA E DEVOLVER O IMORAL AUXÍLIO-MORADIA!

EMANUEL CANCELLA -


Essa história do imoral auxílio-moradia, recebido pelo juiz Sergio Moro, Marcelo Bretas e o procurador Deltan Dallagnol, os três da Lava Jato, foi uma ducha fria em parte da sociedade que ainda acreditava na seriedade desses senhores. Um amigo de bar antes chamava Moro de “Meu herói”.

Até parte da esquerda acreditava na Lava Jato: membros do PSTU, da direção de meu sindicato, Sindipetro-RJ, chegou a tirar a faixa que a direção havia colocado no Cenpes, Centro de Pesquisa da Petrobrás, que dizia: “Sergio Moro, juiz da Globo e do PSDB”.

Leia mais na COLUNA