10.2.18

RAFAEL CORREA, EX-PRESIDENTE DO EQUADOR, FALA SOBRE A PARTICIPAÇÃO DA MÍDIA NOS GOLPES NA AMÉRICA LATINA

ANDRÉ MOREAU -


A traição do Presidente do Equador, Lenin Moreno, atraído pelo canto da sereia - os choques da teoria de Milton Friedman, que vem sendo implantada no Brasil, a partir de delações sem provas, fartamente divulgadas como verdades -, ao contrário de amedrontar, vem mobilizando o ex-Presidente Rafael Correa, na defesa da política de bem estar social, para o seu País e a América Latina.

As ações conservadoras financiadas por estrangeiros que sufocam as economias e não tem limites, são abordadas com profundidade por Correa que lembra a resistência do povo venezuelano, novamente ameaçado por agentes do Comando Sul dos EUA, de invasão armada.

Leia mais em INTERNACIONAIS