23.11.18

VAMOS AJUDAR O NOVO MINISTRO DA AGU A REAVER R$ 25 BI DE CORRUPÇÃO

EMANUEL CANCELLA -


Novo ministro quer reaver R$ 25 BI de corrupção, segundo O Globo, de 22/11/18.

O ministro chefe da AGU, André Luiz de Almeida Mendonça, disse que tem como meta recuperar, em dois anos, R$ 25 bilhões por meio de acordos de leniência com empresas que cometeram irregularidades em contratos com a administração pública (1).

Pois é, o Brasil, dizendo combater à corrupção, paralisou suas grandes obras, desempregou quase 13 milhões de brasileiros e detonou nosso PIB.

Se usasse a Lei de leniência, como fez EUA na última crise, teríamos assim a prisão dos empresários corruptos e suas substituições, mas com a continuidade das obras.

Muito estranhamente,  Moro, chefe da Lava Jato, e o PGR, Rodrigo Janot, não permitiram que isso fosse implementado no Brasil, mesmo eles tendo estudado nos EUA.

Veja o que diz o saudoso, Moniz Bandeira: “Moro e Janot atuaram e atuam com instituições dos Estados Unidos contra o Brasil e as empresas brasileiras” (7)

A Lava Jato passou mais de 3 anos, diariamente, na mídia, principalmente na Globo, falando mal da Petrobrás, da Odebrecht e da OAS. Veja a lista completa das empresas investigadas pela Lava Jato (4).

Veja também o vídeo de como a Lava Jato destruiu a economia nacional (5).

Já os EUA, em 2008, numa de suas maiores crises financeiras (A chamada crise do Subprime, ou Hipotecas de Risco), o banco Central americano  injetou centenas de bilhões de dólares em sua economia, tudo para não manchar a imagem de suas empresas, não demitir em massa e preservar o PIB do país (2,3).

Nos EUA, se não fosse o socorro estatal, empresas privadas como as gigantes GM, City Bank, Chrysler etc estariam falidas, teriam desempregado em massa e o PIB dos EUA estaria negativado.

Além do acordo de leniência, vamos ajudar o chefe da AGU a recuperar muito mais de R$ 25 BI da corrupção:

- Primeiro cancelando a lei articulada e sancionada pelo golpista MiShell Temer que deu isenção em impostos em um trilhão de reais às petroleiras estrangeiras, sendo a mais beneficiada a Shell (8).

- Depois a AGU poderia cobrar da Globo o Imposto de Renda da transmissão da Copa do Mundo de 2002.  A Globo diz ter pago “Embaixo de Vara”, com multa, só que nunca mostrou à sociedade o DARF (9).

- A AGU poderia recuperar os R$ 10 Bi que Pedro lalau Parente pagou aos acionistas americanos, mesmo sem a Petrobrás ter sido condenada (10).

- No mesmo CPF de Pedro Parente cobrar o rombo de R$ 5 BI que ele deu à Petrobrás, em 2001,na venda de ativos inclusive sendo réu nessa ação (11).

- E também com Pedro Parente pegar de volta R$ 2 BI que a Petrobrás, em sua gestão na presidência da Companhia, relativos a um empréstimo pago ao banco JP Morgan que só venceria em 2022. Detalhe Pedro Parente é sócio do banco (12).

Espero ter colaborado com o ministro na sua meta de recuperar R$ 25 BI!

Fonte: