1.4.19

EM 1963, NAS VÉSPERAS DO GOLPE, GENERAIS, GOVERNADORES, O PRÓPRIO PRESIDENTE JOÃO GOULART, CONSPIRAVAM, SÓ ESTE REPÓRTER FOI PRESO

HELIO FERNANDES -

Jango e Kruel.
Em agosto de 1963, o presidente João Goulart determinou ao ministro da Guerra, Jair Dantas Ribeiro, que enviasse a generais da sua confiança, uma "carta sigilosa e confidencial", que estava lhe mandando. Ainda não existiam generais de Exercito (4 estrelas), só 24 generais de Brigada e 12 de Divisão. Eu não tinha nada a ver, nem conhecia o conteúdo do documento "sigiloso e confidencial".

Leia mais na COLUNA